segunda-feira, 5 de maio de 2014

Cenas de Amor: Pedir desculpas Papai do Céu


Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça.

1 João 1:9
No  mesmo dia do aniversário da Princesa, passamos o dia no Congresso de JCA (é... o mesmo Congresso que a Princesa nasceu, lembram?). Fomos eu, marido, os dois tesouros e minha mãe, pra me ajudar.
Mas, nem sempre as crianças ficavam com a minha mãe. Sempre que possível, tirávamos um tempinho com elas. Num desses tempinhos, acabamos deixando o Garotão (4 anos 9 meses) sozinho na sala de apoio, onde tínhamos todo o material que seria usado no congresso. Imaginem o tipo de material: lápis, caneta, tinta...
Garotão achou a tinta. Quando cheguei na sala de apoio (gente, como é que marido e eu pudemos deixar ele sozinho naquela sala?)... A visão da mais pura bagunça: tudo, tudo, tudo rosa!!! Calção, camisa, mão, estante, maleta... Respirei fundo, levei-o para lavar pelo menos a mão e saí com ele todo rosa pra resolver as coisas. No meio do caminho, entreguei ele pro meu marido, que foi trocar a roupa dele. Na volta do Garotão, eu estava conversando com um dos pastores presentes no Congresso e Garotão chegou, de mãos dadas com o papai. Puxou a mão do pastor e disse: “vamos pedir desculpas a Papai do Céu”. Eu perguntei a ele porque. Ele respondeu: “Garotão fez bagunça”.
Eu fiquei emocionada. Não era só pedir desculpas a mamãe e ao papai. Era pedir desculpas a Papai do Céu. A gente nunca tem noção do quanto falamos com ele vai pro coração ou fica guardado... mas, um dia essas coisas lindas afloram...
Fomos então pra sala de apoio e juntos, papai, Garotão e eu, nos ajoelhamos e Garotão pediu desculpas a Papai do Céu...