quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Viajando de trem

Janeiro,  mês de férias,  ótima oportunidade de viajar. ..
Minha mãe resolveu ir para casa da minha tia de trem e, mesmo com o meu marido viajando a trabalho,  resolvi ir também.
Fomos em cinco: minha mãe,  minha irmã,  eu e a duplinha. Compramos um assento só pro Garotão, pra ele não ir no colo.
Desde que decidimos a viagem,  já avisamos ao Garotão que faríamos a viagem de trem e pra casa de quem iríamos.  Preparamos lanche,  tablet, papel, lápis e ficamos na expectativa de como o Garotão  (5 anos 7 meses) e a Princesa (1 ano 9 meses) iriam encarar a viagem de quase oito horas e meia.
Quando entramos no trem e ele começou a andar, o Garotão ficou encantado. Olhava a paisagem com grande encanto.  A Princesa mamou e dormiu.
Então veio a primeira parada.  Esquecemos de avisar para o Garotão que a viagem de trem era longa e que teríamos diversas paradas. Ele quis levantar,  descer. Então oferecemos um café da manhã pra ele, ele acalmou e seguimos viagem.
Depois ele teve sono e quis deitar no meu colo, mas não dormiu. Então fomos passear pelo trem.
O Garotão amou essa andança.  Foi abrindo as portas que separavam os vagões e vibrava quando as via fechar sozinhas. Teria sido tudo legal se outras pessoas não abrissem as portas ou se não tivéssemos que sentar a cada parada. Mais uma falha nossa: esquecemos de avisar o "esquema" de abertura das portas,  que outras pessoas poderiam abrir e que o passeio deveria ser interrompido em determinados momentos. ..
Ou seja: a ida não foi lá um grande passeio pra ele. Tenso, despreparado,  em crise.
Então,  o período que ficamos na casa da minha tia ficamos estudando estratégias para que a viagem de volta fosse gostosa.
Então,  primeiro, procurei a lista de estações até chegar à nossa. Depois,  fiz uma estimativa das distancias para que ele soubesse onde, quando e por quanto tempo seriam as paradas e também quantas vezes e por quanto tempo ele poderia passear pelo trem. Explicamos também os horários dos lanches e a hora da chegada.
Ah, a viagem de volta foi super tranquila! Ele compreendeu perfeitamente as sugestões de atividades,  as paradas do trem (até decorou todas... hihihi) andou,  não deu crise... foi bem diferente da ida. Os aparelhos eletrônicos (tablet, DVD) foram grandes aliados pra manter a calma da duplinha...
Assim, ficam pra nós algumas dicas pra viagens longas de trem:
- Informar cada detalhe da viagem: estações, tempo de parada, tempo de viagem entre as paradas, tempo de viagem;
- Oferecer diversas formas de distração que se possa fazer sentado;
- Levar muitos lanches, beliscos, pois isso ajuda a distrair.
- Permitir movimentos com o corpo: andar entre os vagões, mudar de ambiente para atividades diferentes (como ir pro vagão restaurante para lanchar)
Aprendemos bastante com essa viagem longa. .. principalmente que o nosso Garotão pode ser um grande parceiro,  desde que seja bem preparado para cada desafio!

domingo, 11 de janeiro de 2015

Pendências 2014 – Finalmente, sem medicação


Grande é o nosso Deus

E as obras que Ele faz
O Seu amor não tem limite
Em Seu perdão encontro paz

O ano de 2014 passou tão correndo que acabei não passando aqui pra anunciar grandes vitórias. E, tivemos uma grande, linda e magnífica vitória. Escrevo esse post, com lágrimas nos olhos...
Finalmente, a medicação do Garotão está suspensa! Foi na consulta de outubro. Estávamos na expectativa desde os três anos (contei aqui) . Agora, em outubro, entramos em consenso  com a neuropediatra e toda a medicação foi retirada.
Ela pediu para observar sono, as agressões, auto agressões e estereotipias... mas, graças a Deus, não houve mudança significativa. O Garotão continua firme, forte e se desenvolvendo lindamente.
Sim, Grande é o Nosso Deus! E, isso é obra dEle!
Sabemos também que nada é definitivo. Talvez exista um momento que tenhamos que voltar. Talvez não. Mas, sabemos que Deus está fazendo maravilhas!
Agora, seguimos o tratamento apenas com terapias. E, o Garotão continua lindo, lindo, lindo!


Falar Com Deus

Ministério Jovem

Na oração encontro calma
Na oração encontro paz
Orar a Deus faz bem a alma
Falar com Deus me satisfaz.
Falar com Deus que privilégio
Abrir a alma ao Criador
Sentir que os céus estão abertos
E ouvir a voz do Salvador.
Grande é o nosso Deus
E as obras que Ele faz
O Seu amor não tem limite
Em Seu perdão encontro paz
Falar com Deus é o que preciso
Pois Ele é fonte de poder
Só nEle a vida faz sentido
Pois me dá forças pra viver.
(2X) Grande é o nosso Deus
E as obras que Ele faz
O Seu amor não tem limite
Em Seu perdão encontro paz


quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Alvos e Projetos 2015


Muitos são os planos no coração do homem, mas o que prevalece é o propósito do Senhor.
Provérbios 19:21 (NVI)



Fazer uma lista de metas e projetos pro ano que se inicia é uma tradição interessante e que eu gosto de seguir. Como 2013/2014 foi um período difícil, acabei não fazendo... Esse ano eu quero fazer uma lista para o nosso cantinho aqui na rede.
1.     Postar pelo menos uma vez por semana: Assunto eu sei que não falta. O que falta é disciplina pra escrever...
2.    Visitar regularmente outros blogs maternos e também aos relacionados ao autismo: antes da Princesa nascer, eu tinha essa rotina, mas acabei não mantendo... Quero reatar amizades, conhecer novas pessoas e histórias...
3.    Reativar posts seriados: Pérolas do Garotão, Pérolas da Princesa, Pérolas da Duplinha, Cenas de Amor... São tantas coisas acontecendo que às vezes acabo não relatando... E, sinto falta... Quero retornar para relatar esses brindes que Papai do Céu nos oferta. Isso me ajuda a ver as coisas mais belas da vida...
4. Mensalmente, postar na página do Facebook o post mais visitado por mês, e ao final do ano, fazer o ranking das doze mais.
5.    Reativar o “Li e Gostei”. Sempre gostei muito de ler, mas acabei não lendo muito esse ano. Quero voltar a essa rotina. Com o compromisso de publicar um livro, ops, uma análise por mês, também me forço a ler um livro por mês, voltado ao mundo da maternidade, do autismo, do crescimento.
6.    Promover sorteios legais, mas o maior objetivo é promover um sorteio em Abril, comemorando o Dia Mundial da Conscientização do Autismo.
7.    E, por último: Criar a minha página de Doula, de apoio à humanização do parto e aleitamento materno. Esse é um baita desafio. Desde o curso de Doula, que fiz em setembro, vejo que o mundo da Gestação, Parto e Puerpério é riquíssimo e que seria muito legal um cantinho só para ele... Então, preciso me organizar para que ambas as páginas sejam bem organizadas, cuidadas e que todos fiquem bem acompanhados.


Ufa, acho que são grandes meta, não? São poucas, mas metas que me manterão bem ocupada e vocês bem informados. Um incrível 2015 a todos! Que vocês possam realizar todos os sonhos de Papai do Céu na vida de vocês!!!!