quarta-feira, 30 de maio de 2012

“Tenaninho”



Pois é... meu garotão fez “Tenaninho” (três aninhos, no idioma dele). E, o dia do aniversário dele foi uma verdadeira odisséia. Enquanto nós, papai e mamãe, ficávamos correndo atrás, preparando tudo para que fosse um dia especial para o Garotão, uma ansiedade sem tamanho crescia dentro da gente: será que ele ia curtir? Que presente dar? Como fazer para que ele saiba o quanto ele é especial para gente.

Achamos que tudo ia ser perfeito, mas... sabíamos dentro da gente que tudo poderia dar errado...

O primeiro desafio foi definir o presente. Queríamos dar uma bicicleta. Como maio já mostra um tempo instável, pensamos em deixar a bicicleta para o verão, tempo mais firme, mais tempo para o Garotão treinar e se divertir. Então, pensamos numa ‘toca’, aquelas cabaninhas infantis. Ah, é duro morar em ‘apertamento’. As tocas não cabiam em nossa casa...  Então, acabamos dando um joguinho de cubos de letras e números. Fiquei triste, queria dar um presente super especial... Entregamos o presente e a expectativa... o Garotão gostou muito! Que alívio!

Mas, para fazer o dia do Garotão especial, fizemos o seguinte: programamos um super café da manhã, com tudo de chocolate, como ele gosta. Ele acordou, cantamos parabéns e ele parecia estar curtindo muito! E, aí, ele começou a falar: “Tenaninho”. Ficamos super felizes! Depois, fiquei correndo pra preparar o material da festinha da escola: brigadeiro de colher e o cachorro quente.

Depois, mandamos o Garotão para a escola, pois daí  2h estaríamos voltando para organizar a festinha e cantar parabéns. Mas aí, foi a maior frustração do dia: o Garotão chorou o tempo inteiro... desde a hora que chegamos até a hora de sairmos ele chorou... nem bolo de chocolate e nem brigadeiro ele quis comer, coisa que ele ama de paixão. Mas as crianças da salinha dele amaram... curtiram a historinha, o parabéns, o lanchinho...
Mas aí, foi só sairmos da escola que ele voltou a ser o Garotão falante e sorridente! E, já saiu falando “Tenaninho!”. Que gostoso! Apertamos muito!

E, de noite, mais um parabéns: os avós maternos e os titios maternos vieram para casa e batemos parabéns exatamente no horário em que ele nasceu, às 21hs. Aí, a coisa mais gostosa: ele enfiou todas as velas que achou no bolo! Muito engraçado! Finalmente, parecia que o Garotão estava curtindo o aniversário dele... Tanto curtiu que só foi dormir quase meia noite!

Esse foi o Tenaninho... E, a música que mais demonstra a minha felicidade por esse “Tenaninho” segue abaixo:

Tempo de Festa
Este é um tempo de festa
Este é um tempo de louvor
Pra celebrar aquele que primeiro nos amou
Transformou nosso choro em riso
Nos deu novas vestes de louvor
Prá celebrar aquele que primeiro nos amou
Nos tirou do império das trevas
E nos deu perdão e paz
Arrancou todas as feridas
Nos fez felizes demais
Festa, alegria
É uma dança de celebração
Ao único digno
Jesus, seu nome é Jesus
Festa, alegria
É um povo que se reúne aqui
Diante do trono do Rei
Do Rei dos reis
Seu nome é Jesus