sexta-feira, 6 de abril de 2012

Meu Primeiro Beijo



Tudo fez formoso em seu tempo; 
Eclesiastes 3:11
Hoje foi um dia muito especial, aliás, muito mais que especial. Eu ganhei o meu primeiro beijo.
Bom, vou explicar tudo com calma.

Uma coisa que marca a criança autista é a dificuldade que ela tem em comunicar o que sente, seja por abraços, seja por beijos, seja dando oi, seja dando tchau... Então, essas são coisas que meu filho não faz: ele não dá beijo, não dá tchau, não diz oi (nem responde) e abraça aqueles que lhe são próximos (eu, o pai e os avós). Ele também oferece o rosto para beijo, quando dizemos: “dá beijo na mamãe” (e em outras que eu falar). Assim, meu filho tem quase três anos e eu nunca tinha ganhado um beijo dele. Sempre o beijo, no rosto, no olho, na cabeça... Beijo esse garotão demais.

Sabendo disso, coloquei em meu coração um sonho: de ganhar de presente de dia das mães um beijo do meu filho. Eu acalento esse sonho desde que soube que meu filho era autista. Sabia que, se ganhasse um beijo, seria um presente. Não o treinaria, não cobraria... Mas, em meu coração, esse sonho vinha sendo acalentado...

Ontem ele ensaiou mandar beijos na casa dos avós paternos. Não era a primeira vez. Ele já tinha imitado o avô, mas sem o ‘estalinho’ do beijo. Ontem, ele imitou com o ‘estalinho’ do beijo. Estávamos tão felizes em ver esse progresso... afinal, mandar beijo é algo muito especial, principalmente quando é algo voluntário, que parte dele.

Hoje, saímos com toda a família (avós, irmãos, cunhada, sogros do meu irmão, etc) para um lugar que nós guardamos no coração. Foi onde passamos a lua-de-mel e sempre voltamos quando temos tempo (e dinheiro). É o lugar que tem marcado muito a nossa vida.
Então, antes de fazermos a caminhada ecológica, em meio à brincadeiras e beijos com o meu filho, ele me deu um beijo estalado na bochecha. Eu chorei, chorei, muito emocionada. E, ele me deu outro beijo. Ganhei três beijos hoje! Não pedi, não fiz nada, ele simplesmente chegou e estalou um beijo na minha bochecha. Foram três seguidos!

Foi o meu presente de dia das mães, um mês adiantando. E, o que mais me marcou, foi o lugar que Papai do Céu escolheu para que isso acontecesse... No nosso cantinho do mundo, onde tantas coisas tão marcantes já aconteceram... Assim, esse cantinho do mundo fica ainda mais marcado para nós... sempre voltaremos lá e diremos: “aqui, foi onde o meu garotão me deu o seu primeiro beijo”. Quando Deus faz, Ele faz de modo perfeito!
Sei que foi um presente. Claro, espero outros, mas cada beijo que eu receber, guardarei com todo carinho dentro do meu coração...