quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Vamos Cantar?



Nosso Garotão (3 anos 5 meses) está no coro infantil da igreja. Fiquei muito feliz quando começaram os ensaios e, na primeira oportunidade levei
.
O primeiro ensaio foi muito difícil. Ele passou o tempo inteiro correndo dentro da sala. Cantar? Não, obrigada! Parecia que mesmo ouvindo a música, não se interessava.

No segundo ensaio, ele já começou sentando na cadeirinha... até acompanhou o aquecimento vocal e os exercícios de concentração. Um dos exercícios, era contar de um até nove, e ao invés de falar 10, devia-se bater palma. Ele morria de rir!!! E, tanto aprendeu que quando viajamos para Salvador, foi brincando o tempo inteiro.

Apesar de não ter ficado sentado, ele aprendeu rapidinho, a primeira música ensaiada. Ele não sabia cantar toda, mas sabia completar se iniciássemos as frases. Muito fofo.
Então, já sabendo que músicas seriam ensaiadas, vasculhamos pelo Youtube vídeos que o ajudassem. Então, ele começou a assistir os vídeos diariamente... e...

No terceiro ensaio, ele já estava sentadinho, pelo menos metade do ensaio... se colocava em pé no momento certo... a coisa mais gostosa do mundo. E, hoje, das músicas que achamos, ele já sabe todas! E, claro, se nós cantamos pra ele, não podemos errar!

Tudo bem, queremos muito que ele cante junto com o coral na apresentação, mas se não cantar, beleza. Ele já aprendeu como funciona o coral, os momentos que tem que ficar quietinho, momentos de cantar, e o melhor: já está cantando musiquinha de Natal...
Amo corais!
Amo coral infantil!!!!
Fruto da Criação
É tão bom sair correndo respirando o puro ar, 
saltitando no gramado ou no parque a pular, 
na verdade tudo é lindo entre o céu e o mar, 
se Jesus fez esse mundo por muito me amar. 
Fico olhando uma plantinha e começo a pensar, 
como pode a sementinha germinar e brotar? 
não duvide um segundo da existência de Deus, 
olhe bem a natureza ela quer lhe provar. 

Refrão 

Sou tão feliz por isso vivo a cantar, 
pois também eu sou um fruto da criação, 
ao me criar, Deus me fez com suas mãos 
e colocou amor no meu coração
amor no meu coração.

Quando vejo um pardalzinho tão pequeno a voar
Eu me lembro da promessa em Cristo não vai falhar,
Se das aves ele cuida, também há de cuidar,
Os seus filhos com carinho ele vai amparar.