quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Evidências de um Natal Real


Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviaste.
João 17:21

E, novamente é Natal.. o ano passa tão rápido que é só piscar o olho que as datas marcantes chegam cada vez mais rápido...
E, esse ano, quero falar sobre as evidências de um Natal real. Em um mundo em que celebra com festas, presentes, jantares, almoços, encontros, questiona-se se o Natal é real ou apenas uma fantasia consumista.

Por mais que se fale que Jesus é o motivo do Natal, e que se apresente as promessas bíblicas em relação a Ele para se provar que Jesus é o Filho de Deus, parece que a cada ano a gente se afasta daquilo que é realmente a Celebração do Nascimento de Jesus.
Mas, existe uma forma para que possamos provar que Jesus é o Filho de Deus. Não é apresentando as referências bíblicas ou históricas. Não é com discussões filosóficas. A forma que Jesus disse para que todos creiam que Ele foi enviado por Deus é pela nossa forma de viver.

Como discípulos, devemos ser um. Como a Igreja Primitiva que todos tudo em comum, que compartilhavam tudo o que tinham, eram todos um só coração, uma só alma.
“E era um o coração e a alma da multidão dos que criam, e ninguém dizia que coisa alguma do que possuía era sua própria, mas todas as coisas lhes eram comuns.”
Atos 4:32

Parece utópico, mas essa é a forma que Jesus colocou para que creiam que Ele é o Filho de Deus. Se cada vez nós nos parecermos mais com Ele, estaremos trazendo um pouco mais do céu para esse mundo tão sombrio e cruel.
E que esse seja o sentimento não só do Natal, mas de todo o próximo ano que está por vir. Que Jesus nasça em nossos corações e que possamos refletir o amor dEle em nossos pensamentos e ações.

Feliz Natal!


Aproveitando, que tal dar uma passadinha e responder nossa pesquisa?  RSRSRS
Clique aqui pra responder!