terça-feira, 14 de agosto de 2012

Parceria família x escola: a parte dos pais



A gente sempre fala da necessidade da escola e a família terem um canal aberto de comunicação, né? Geralmente, eu cobro relatórios, contar o dia-a-dia e também, procuro contar tudo o que meu garotão faz em casa, pois na escola ele quase nunca demonstra aquilo que está aprendendo.

Então, contei pra professora como o Garotão aprendeu a identificar mamãe, papai ele e neném. Assim, ela começou a direcionar a chamadinha de uma forma diferente, para que ele pudesse aprender os nomes dos coleguinhas da sala.
Então, veio a surpresa: em uma semana, ele já estava apontando a Tia Cida na rua, e contando o nome de duas coleguinhas da sala: a Tedeca (Rebeca) e a Amana (Amanda), que são as coleguinhas que mais ‘curtem’ ele na sala de aula.

Como papais foi muito gostoso contar como que as coisas que fazemos em casa funciona,  e, tão gostoso quanto é ver que os professores também são legais e assimilam aquilo que falamos. E, o melhor, é ver o quanto o desenvolvimento do Garotão tem crescido e aprendido simplesmente porque estamos compartilhando aquilo que aprendemos.