quinta-feira, 18 de abril de 2013

Desfralde de uma criança autista: A primeira grande vitória



Vou anunciar e vou gritar:
Meu filho desfraldou do xixi!!!!
Vou contar como tudo aconteceu.
Lembram que estou com a princesa de quase um mês em casa, né? Então, no dia que eu estava em Trabalho de Parto dela, o Garotão ficou na casa da minha mãe. Então, na sexta, logo depois do parto, minha mãe levou o Garotão lá pra maternidade pra conhecer a irmãzinha. E, o Garotão passou os dois dias que eu fiquei na maternidade na casa da minha mãe.

Quando voltei pra casa, minha mãe falou: “Olha, ele tá fazendo xixi no potinho de margarina. Tá dando certo. Vê se dá certo na sua casa.” Então, tentamos. E, a nossa surpresa: ele pediu: ‘tirar calção, tirar cuequinha, fazer xixi”. E, ele fez xixi no potinho de margarina. E, passamos a primeira semana da Princesa e do Garotão em casa, com tudo certinho, sem escapamentos. Legal... mas aí, viria a primeira prova.

A primeira saída do Garotão sem fraldinha, que foi no contra-turno. Eu fiquei em casa com a princesa, e o Garotão foi com o pai. Quando eles voltaram, o Garotão saiu correndo na frente, escada acima, chegando em casa e dizendo: tirar calção, tirar cueca, fazer xixi...” E, correu pro banheiro, pegou o potinho e fez... xixi!!!

Agora, eu nem preciso ficar perguntando... ele faz na igreja, na escola (sim, fez uma vez só, mas pediu!), na rua, enfim... ele agora sabe o lugar de fazer xixi, no banheiro...  afinal, ele só usa o potinho no banheiro.

Ou seja, contra todas as expectativas, no momento em que seria mais difícil de se realizar um desfralde, o Garotão surpreendeu, mostrou que é rapazinho, que está crescendo e não precisa mais de fraldas, nem pra sair.

Agradeço tanto a Deus pela minha mãe, afinal, foi dela o ‘pulo do gato’: de onde ela tirou a ideia do potinho de margarina? Como isso deu certo em dois dias que ele ficou com ela?
Minha mãe é um presentão de Deus na minha vida e na vida do Garotão!!

Ah, sei que o Garotão tem que usar o vaso sanitário, mas o potinho de margarina tem dado a ele independência e a possibilidade de fazer xixi em qualquer banheiro, pois a referência dele é o potinho e não o ambiente. Não tivemos nenhum acidente desde que a Princesa nasceu.

Não é uma grande vitória?
Ah, sobre o cocô: ele não faz ainda no vaso. Ele pede pra colocar a fraldinha, mas avisa que fez e pede para ‘tirar cocô’. Sei que logo o Garotão vai dar mais esse passo!


Mas graças a Deus que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo.
Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor. 
1 Coríntios 15:57-58